Encontrados 338 resultados para: Santo

  • Sede santos, porque eu sou santo (Lv 11,44). (I São Pedro 1, 16)

    Lv 11,44).">
  • e quais outras pedras vivas, vós também vos tornais os materiais deste edifício espiritual, um sacerdócio santo, para oferecer vítimas espirituais, agradáveis a Deus, por Jesus Cristo. (I São Pedro 2, 5)

  • Tende uma consciência reta a fim de que, mesmo naquilo em que dizem mal de vós, sejam confundidos os que desacreditam o vosso santo procedimento em Cristo. (I São Pedro 3, 16)

  • Essa mesma voz que vinha do céu nós a ouvimos, quando estávamos com ele no monte santo. (II São Pedro 1, 18)

  • Porque jamais uma profecia foi proferida por efeito de uma vontade humana. Homens inspirados pelo Espírito Santo falaram da parte de Deus. (II São Pedro 1, 21)

  • Vós, porém, tendes a unção do Santo e sabeis todas as coisas.* (I São João 2, 20)

  • Mas vós, caríssimos, edificai-vos mutua­mente sobre o fundamento da vossa santíssima fé. Orai no Espírito Santo. (São Judas 1, 20)

  • “Ao anjo da igreja de Filadélfia, escreve: Eis o que diz o Santo e o Verdadeiro, aquele que tem a chave de Davi – que abre e ninguém pode fechar; que fecha e ninguém pode abrir.* (Apocalipse 3, 7)

  • Esses Animais tinham cada um seis asas cobertas de olhos por dentro e por fora. Não cessavam de clamar dia e noite: “Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus, o Dominador, o que é, o que era e o que deve voltar”. (Apocalipse 4, 8)

  • E clamavam em alta voz, dizendo: “Até quando tu, que és o Senhor, o Santo, o Verdadeiro, ficarás sem fazer justiça e sem vingar o nosso sangue contra os habitantes da terra?”. (Apocalipse 6, 10)

  • Quem não temerá, Senhor, e não glorificará o teu nome? Só tu és santo e todas as nações virão prostrar-se diante de ti, porque se tornou manifesta a retidão dos teus juízos”. (Apocalipse 15, 4)

  • Ouvi, então, o anjo das águas dizer: “Tu és justo, tu que és e que eras o Santo, que assim julgas. (Apocalipse 16, 5)


“Queira o dulcíssimo Jesus conservar-nos na Sua graça e dar-nos a felicidade de sermos admitidos, quando Ele quiser, no eterno convívio…” São Padre Pio de Pietrelcina